mindfulness & compaixão na educação

Mindfulness & Compaixão na Educação: Contributos da evidência científica para a prática em contexto educacional

Dadas as exigências do seu trabalho, os níveis de stress e burnout dos professores podem afetar a sua saúde e bem-estar e ter um impacto negativo na aprendizagem e envolvimento dos alunos. Ao longo das duas  últimas décadas, diferentes estudos em Portugal têm demonstrado um alto nível de risco de stress e desgaste nos professores. No entanto, pouco esforço tem sido feito para desenvolver intervenções específicas para reduzir o stress dos professores ou para promover o seu  bem-estar. Além disso, a investigação neste domínio é muito recente e existem poucos estudos robustos metodologicamente sobre a eficácia das intervenções, nomeadamente sobre as intervenções baseadas em mindfulness para professores.

Assim, a Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa está a desenvolver um projeto de investigação para avaliar os efeitos de uma intervenção baseada em mindfulness para professores – Programa Atentamente. Este projeto é coordenado pela Profa. Alexandra Marques Pinto e é financiado pela Fundação BIAL (114/16), contando também com o apoio do Instituto Mindfulness.

O Programa Atentamente – Mindfulness para Professores tem a duração total de 30h e é  implementado em 10 sessões semanais de 2.5h e uma sessão de reforço com a duração de 5h, três  meses após a décima sessão. O programa (autorregulação emocional, mindfulness e auto-compaixão) é principalmente experiencial e cada sessão inclui práticas de mindfulness, reflexão de grupo, role-playing e trabalho autónomo em  casa (práticas formais e informais de mindfulness). Este curso de formação está creditado pelo Conselho Cientifico de Formação Contínua de Professores com 1,2 créditos.

Do ponto de vista metodológico este projeto tem um desenho experimental, que inclui quatro momentos de recolha de dados: pré-teste (T1), pós-teste (T2), follow-up-1 (T3) (3 meses após o pós-teste) e follow-up-2 (T4) (3 meses após o follow-up-1). Mais informações sobre este estudo.

Com este projeto de investigação espera-se contribuir para o aprofundamento do conhecimento sobre o papel desempenhado pelas intervenções baseadas em mindfulness na promoção das suas competências sócio emocionais e na redução do stress dos professores e dos seus sintomas de burnout, na promoção de um clima de sala de aula positivo e estimulante e, ainda na promoção do bem-estar e do desempenho académico dos alunos.

Integrado neste projecto, nos próximos dias 29 e 30 de Junho decorrerá na Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa o Seminário “Mindfulness & Compaixão – Contributos da evidência científica para a prática em contexto educacional“.

fpulmicromindfulnessflor2

Para além das apresentações previstas no programa, está aberta uma Call para submissão de posters no domínio de estudo das abordagens baseadas em mindfulness em contexto educacional, incluindo áreas relacionadas com a intervenção, a avaliação ou compreensão da eficácia destas abordagens nos alunos, professores ou outros agentes educativos.  A submissão dos posters pode ser feita até ao próximo dia 30 de Abril através do site do seminário.

A participação é gratuita, com inscrição obrigatória devido à lotação da sala.

Quaisquer informações ou esclarecimentos de dúvidas poderão ser obtidos enviando um email para mindfulness18@psicologia.ulisboa.pt

Por Joana Sampaio Carvalho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s