Neurociência concorda com crença budista: o “eu” não é constante, está sempre a mudar

 Por Olivia Goldhill in Quartz | 20 de Setembro de 2015 Embora você possa não se recordar da sua vida em bebé, é bem provável que acredite que a sua individualidade de então – o seu ser essencial – era intrinsecamente o mesmo de hoje. No entanto, os budistas defendem que isso não passa de uma ilusão – uma filosofia que está a ser cada … Continue a ler Neurociência concorda com crença budista: o “eu” não é constante, está sempre a mudar